Nota acerca da eliminação de documentos e materiais constantes do Arquivo da 1ª Auditoria Militar de Porto Alegre


“O Arquivo da Justiça Militar Gaúcha, de há muito, padece de limitação física para o armazenamento de documentos e materiais.

Para equacionar o problema, criou-se a Comissão Permanente de Avaliação e Gestão de Documentos, a quem incumbe, nos termos do inciso V do artigo 4º da resolução nº 162/2016, analisar a servibilidade destes, com vistas à eliminação.

Cumpre esclarecer que não serão destruídos documentos e materiais que apresentem importância histórica à Justiça Militar Estadual – e que farão parte do Projeto Memória da Justiça Castrense Gaúcha -, bem como aqueles cuja conservação se encontra prevista na Tabela de Temporalidade de que trata o artigo 10 da Resolução nº 162/2016 do Tribunal de Justiça Militar Estadual.

Observando tais exceções, finalizou a Comissão, nesta data, a elaboração da lista de documentos e materiais que serão destruídos, os quais constam de Edital que será publicado e que concederá 45 dias para eventual impugnação, tendo sido dado, assim, importante passo na concretização do desafogamento do Arquivo da Justiça Militar Castrense.”

Texto de: Dr. Amilcar Fagundes Freitas Macedo


(Publicada em 22/03/2018)

Galeria de Imagens da Notícia









Acompanhe a JME/RS


Portal da Transparência


Pesquisa Processual

1º grau  2º grau


Pesquisa avançada

Certidões



Av. Praia de Belas, 799 - Bairro Praia de Belas - Porto Alegre/RS
CEP - 90110-001 - Fone: (51) 32141000 - contato@tjmrs.jus.br
  SEI!
  Webmail

Desenvolvido pela Coordenadoria de TIC do TJM/RS
informatica@tjmrs.jus.br