JME realiza a primeira reunião com a comissão responsável pela implementação do eproc


Na tarde dessa segunda-feira (7 de maio), ocorreu a primeira reunião do Comitê Gestor Interno para implantação do eproc - Sistema de Processo Eletrônico desenvolvido pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, junto à JME. 

O Comitê Gestor, nomeado pela Portaria nº 92/2018, de 4 de maio de 2018, é formado por representantes das áreas de negócio e de tecnologia, formando um grupo multidisciplinar presidido pelo Presidente da JME, Juiz-Cel Paulo Roberto Mendes Rodrigues. A implantação do eproc é uma das principais metas da atual Administração.

Na primeira reunião do Comitê Gestor Interno, entre outros assuntos, foi discutido e definido que o início do uso do eproc na Justiça Militar se dará a partir da migração dos processos que atualmente tramitam no Sistema PJe para o eproc. Na sequência, a utilização do PJe será suspensa na JME. O Comitê Gestor identificou que implantar o eproc a partir da migração do PJe seria a melhor opção em função da cultura já desenvolvida na Corte Militar com o processo cível eletrônico e também devido ao fato de que os operadores do direito não precisariam conviver com dois sistemas distintos (PJe e eproc). Após a migração do PJe, que está prevista para agosto deste ano, terá início a implantação do eproc no inquérito policial militar (IPM) e no processo crime.


(Publicada em 07/05/2018)

Galeria de Imagens da Notícia









Acompanhe a JME/RS


Portal da Transparência



Pesquisa Processual

1º grau  2º grau


Pesquisa avançada

Certidões



Av. Praia de Belas, 799 - Bairro Praia de Belas - Porto Alegre/RS
CEP - 90110-001 - Fone: (51) 32141000 - contato@tjmrs.jus.br
  SEI!
  Webmail

Desenvolvido pela Coordenadoria de TIC do TJM/RS
informatica@tjmrs.jus.br